Bitcoin (BTC) perde os US$ 47 mil

Mais uma semana caminha para o fim, e 2021 já começa a arrumar as malas e dar espaço para o ano novo. Dezembro foi um mês difícil para os ativos de risco, e o mercado global de criptomoedas sofreu uma queda de 16,35%.

A baixa é encabeçada pela maior criptomoeda do mundo, que corresponde a cerca de 40% do valor total do mercado. De acordo com dados do Coin360, o bitcoin (BTC) recua 17,3% em dezembro.

Por volta das 11h30 desta sexta-feira (17) a queda era de 4,15%, com o BTC cotado a US$ 46.750,66 (R$ 268.309,05).

# Criptomoeda Preço 24h % 7d %
1 Bitcoin (BTC) US$ 46.750,66 -4,15% -5,53%
2 Ethereum (ETH) US$ 3.814,14 -6,32% -9,45%
3 Binance Coin (BNB) US$ 530,75 -2,16% -10,58%
4 Tether (USDT) US$ 1,00 0,05% -0,02%
5 Solana (SOL) US$ 173,66 -6,84% -5,07%
6 Cardano (ADA) US$ 1,22 -7,01% -8,27%
7 USD Coin (USDC) US$ 1,00 0,11% 0,15%
8 XRP (XRP) US$ 0,8016 -3,55% -7,21%
9 Avalanche (AVAX) US$ 105,41 -3,77% 17,83%
10 Polkadot (DOT) US$ 24,92 -8,75% -11,82%
Fonte: Coin Market Cap

Federal Reserve: o estímulo acabou

O anúncio de que o tapering, a retirada de estímulos da economia americana, terminará antes do esperado, demorou para fazer efeito nos mercados, mas as bolsas globais reagem hoje à torneir

a fechada dos bancos centrais pelo mundo.

O fim dos estímulos significa menos dinheiro em circulação, o que retira recursos que iriam para ativos de risco, como as ações e as criptomoedas.

O mercado esperou sem muita paciência as decisões dos BCs pelo mundo, que confirmaram uma retirada de estímulos no ano que vem.

Entre as principais autoridades monetárias, além do Fed, o Banco da Inglaterra (BoE, em inglês), o Banco Central Europeu (BCE) e do Japão (BoJ, em inglês) já anunciaram alterações para 2022.

Contudo, a pandemia de coronavírus e a variante ômicron seguem no radar, o que pode mudar os planos de alta nos juros no ano que vem se as economias precisarem de novos estímulos.

 

Bitcoin: se segure no fim de semana

Depois do susto com o primeiro final de semana de dezembro, quando o bitcoin despencou para os US$ 42 mil, os analistas do Coindesk agora especulam que o BTC precisa manter o patamar de US$ 46 mil. Caso contrário, a queda pode se aprofundar até os US$ 44 mil ou menos.

ETFs de bitcoin e criptomoedas na B3

 

Ticker Gestora Preço Variação (24h%) Variação (7d%)
HASH11 Hashdex R$ 50,81 -4,48% 0,66%
ETHE11 Hashdex R$ 64,18 -6,50% 0,72%
BITH11 Hashdex R$ 63,60 -3,20% 2,50%
QBTC11 QR Capital R$ 16,93 -2,65% 1,32%
QETH11 QR Capital R$ 15,89 -4,34% 1,15%
Fonte: TradeMap